REI UBU-KOWISKI: Quem sabe?

quarta-feira, maio 04, 2005

Quem sabe?

Toda língua mente,
toda língua confessa.
Copos de mágoa
num olhar de contemplação
em silêncio obsequioso.